segunda-feira, março 18

Do fim-de-semana

Sexta dormi até ter vontade.

Comecei logo a tratar da casa, para ter, mais uma vez, o fim-de-semana livre.

Acabei por ir tratar de uns assuntos com a minha mãe e o marido apanhou-me em casa dela.
Depois do jantar fomos fazer uma caminhada que me soube bem, para ver se acalmava os nervos por causa da ida ao médico.

Sábado a reunião do condomínio começou às 10h.
Em ano onde vão haver obras no prédio, vai calhar a nós ficarmos administradores.
Posto isto, o pincel vem todo para nós. Típico!
Como tal, já avançamos com as nossas propostas e já vão haver alterações.

A ver se falo nelas depois.

Almoçámos na minha mãe e lá fui eu ao médico.
Tive que tomar um calmante. Há mais de 1 semana que andava nervosa por causa disto. Até dificuldades em respirar eu estava a ter.
Ia trocar o meu DIU. Mais 5 anos sem chatices, mas... O meu estava tão subido que após alguns 20 minutos, que mais pareceram uma eternidade, não o conseguiram tirar 😞

Já não aguentava mais as dores. E ela não o conseguia tirar mesmo.
Para a semana vou ao hospital público para fazer a extracção do mesmo, através de um outro procedimento que, disseram-me, poderá ter anestesia. Espero que sim!

Viemos para casa pois eu estava de rastos.

Lá me consegui arranjar e fomos para o jantar de anos do Padrinho.
Inicialmente estava murcha. As dores a incomodarem-me, eu nem estava bem sentada nem de pé...
Depois lá comecei a comer e a beber, claro, e a coisa foi amenizando. Aliás, eu é que já não estava tão concentrada nas dores.

Boa comida, boa companhia, milhentas fotos parvas e muita, mas mesmo muita risada.
Estava tudo com medo que a polícia aparecesse só pelas minhas gargalhadas 😂😂😂

Chegámos a casa já passava das 02h.
No Domingo, foi dormir até recuperar tudo 😛
Como não estava um sol lindo e eu ainda estava mal da ida ao médico, deixei-me ficar quieta.

Por aí, que se fez?


sábado, março 16

Até já

Este fim-de-semana é um misto...

Começamos hoje com uma reunião de condomínio onde desconfio que me vá stressar, uma ida ao médico onde já estou a sofrer por antecipação e para acabar um bocado melhor o dia, o jantar de anos do Padrinho.

Domingo, queríamos ir andar de kart (a prenda dele de anos) mas parece que vai chover.
Se assim for, será um dia de ronha.

Por aí, divirtam-se!


sexta-feira, março 15

Coockies

Na semana passada, um colega do curso trouxe umas bolachitas para nós provarmos.

Não é a primeira vez que alguém trás comida para provarmos e isso é muito bom! Enquanto grupo, anima e aproxima-nos até.

 Eu adorei as bolachas!
Estavam super saborosas e ali a flor de sal caiu mesmo bem 😋


Agora a minha questão é...

Alguém tem alguma receita deste tipo de coockie dought?

Eu adorava fazer, tipo estas, mas nunca consegui que ficassem bem. Prefiro-as mais molinhas..

Já agora, de preferência mais... light! 😛

Alguém?


quinta-feira, março 14

PPR

Não tenho nenhum e sinceramente nunca pensei ter.

Os juros estão baixíssimos e vejo pelo do marido, perde mais do que o que ganha... 😒

Mas, no meu ex ex trabalho, eles tinham um PPR para cada funcionário.

Mais uma coisa boa na empresa.
O mesmo era criado com dinheiro posto lá pela empresa. Não era tirado do nosso ordenado.

Como fui eu que me despedi, nem pensei nesse dinheiro.

Até que, penso que em meados deste Janeiro me ligam a dizer que tenho o meu PPR para receber 😛

Fiquei toda contente, apesar de eu pensar que ia receber muito mais.

Não sei quando criam o PPR, se assim que entramos, se só depois de estarmos efectivos, mas mesmo assim, ainda foram 8 meses de efectividade...

Quando vi a quantia que ia receber, ia caindo para o lado, de tanto rir 😂😛

É verdade, é melhor que nada e é meu e soube bem....

Mas recebi...

24,93€ 😂

A sério que foi isto que rendeu?

Socorro!


quarta-feira, março 13

Colares da Cátia

A minha mãe fez anos e para variar não sabíamos bem o que lhe dar.

Eu agora aposto em roupa, para ela andar bonita e os meus irmãos alinham.

Só que gosto de ir inovando...

Foi então que dei com a página do Facebook - Os colares da Cátia Prata.

Vi com cada coisa mais linda e a página não mostra só colares.
Tanto que, depois de combinado com os manos, decidi mandar vir uma pulseira e acho que ela adorou mesmo:


 Decidimos então colocar um coração grande onde, à frente diz "amamos-te muito mãe", como prova do nosso amor, uma medalha a dizer saúde, um olho contra o mau olhado, uma árvore da vida, um trevo da sorte, o laço azul é puramente para enfeitar e mais uma medalha a dizer felicidade.

Atrás, estão os nossos nomes, o meu e dos meus irmãos.

Eu adorei a pulseira e o que ela transmite.
É basicamente tudo o que desejamos para a nossa mãe.

Há mais combinações, há mais tipos de pulseiras, assim como há porta-chaves, colares, etc.

Fica a dica, porque acho que é uma prenda mesmo muito gira!

Infelizmente, nem 2 semanas passaram e a pulseira rebentou. Mas a rapariga já se prontificou a enviar outra, caso a pulseira não tenha um "arranjo fácil".


terça-feira, março 12

Desabafo

Desde que e lembro que sempre disse que não queria ter filhos.

Penso que, há quase 31 anos que o digo.

Nunca senti vontade, nunca senti ligação nenhuma.
Não quer isso dizer que, aos que me dizem algo, eu não goste, não brinque ou não mime.
Mas eles são giros, nos outros....

Nunca tratei mal nenhum, Deus me livre, mas eles lá, eu cá.

Também já disse que efectivamente não sei o dia de amanhã. Até agora não há cá relógios biológicos, carrinhos, roupinhas, etc, que despertem algo em mim. Mas não sei se, daqui a 2 ou 3 anos não despertará... duvido, mas não sei.

Desde o 1 mês de namoro que disse ao marido que não queria ter filhos. Ele sempre pensou que eu ia mudar, principalmente com o avançar da relação, mas eu mantive a minha decisão, tanto é que a vontade, quase 15 anos depois, nunca veio.

Antes de casarmos falámos nisto também. Nem um nosso, nem adoptar, nem coisa nenhuma. Não quero.
Ficou tudo esclarecido, nunca menti, nunca dei esperanças.

Pois, do nada, ele agora lembrou-se que quer filhos. Que quer construir uma família comigo.
Têm sido discussões de meia noite porque era um assunto que, para mim, estava morto e enterrado.

Já não sei o que dizer e fazer, mas mantenho a minha decisão.

Quer isto dizer que, ou ele acalma a vontade, ou vai ser pai com outra mulher.
Andamos a falar em divórcio, infelizmente e com muito custo, porque efectivamente eu consigo corresponder aos objectivos dele....

Mas há uma revolta enorme em mim pois, como expliquei em cima, este assunto estava mais que falado.


segunda-feira, março 11

Do fim-de-semana

Sexta só não foi o dia todo em casa porque fui, literalmente, passear de novo ao dentista.
Literalmente passear porque fui lá mas como tenho a gengiva inflamada, vim embora 😂

O marido foi trabalhar e eu pus mãos à obra. Limpei a casa, a roupa já estava passada a ferro de Quinta-feira e tratei do meu Topogigio.

Consegui ter tudo feito para o fim-de-semana que aí vinha.

Sábado acordamos bem tarde. Andamos a deitar tarde e como consequência, levantar tarde. Já nem fomos ao ginásio, de novo. O marido também anda meio sem vontade... 😕

Tratámos de nós e fomos lá ao almoço dos anos do irmão dele e da namorada.
Passou-se bem o dia mas estivemos com eles o dia mesmo todo.

Comida boa, conversa agradável e um solinho maravilhoso.

Saímos de lá já passa das 20h.

Foi vir para casa e acabar a noite a ver séries e filmes.

Domingo, já se acordou mais cedo. Pequeno-almoço reforçado e fomos até Monsanto fazer uma caminhada e aproveitar o sol.

O resto do dia foi de novo passado a ver séries e filmes.

Foi um fim-de-semana calminho, sem grandes feitos, mas que soube bem 😀

Por aí, que se fez?


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...