Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

quinta-feira, maio 31

Desabafo...

As coisa cá por casa cada vez estão piores =S

Basicamente já não suporto (mesmo) estar na mesma divisão da casa que o meu pai...! Tudo e mais qualquer coisinha me irrita e me tira do sério.....

A maneira de comer, a maneira de estar, a maneira de ser, o que fala, como respira.....

Faltas de respeito, faltas de educação e muitas faltas de muitas, muitas coisas que até se me arrepiam os pelitos da nuca! E fazer da minha mãe criada e ela ficar f*dida porque a tento defender (mandando bocas para o ar ...se não falo com ele, nem para falar mal lhe dirijo a palavra claro) e dizer que estou a faltar ao respeito ao meu pai... Qual respeito se já não nos falamos há sei lá quanto tempo???

Mas apesar de tudo é meu pai e quase de certeza que, se acontecer alguma coisa, eu ficarei mal... Mas não lhe desejo mal nenhum apesar de ele já ter dito que não sou filha dele....

Mas não posso nem consigo sair de casa agora... Mesmo sabendo que as coisas iriam melhorar...
A tal coisita que se calhar vai mudar a minha vida, só dá mesmo para o ano... E isto se eu conseguir entrar.... e para estar a trabalhar e que me consiga sustentar, se calhar só mesmo daqui a 2 anos... =S E repito, isto se entrar! =S Se não, é mais um ano... e mais um... e mais um.....

Mas tenho a certeza, que, um e mais um e mais um ano eu não aguento! =S
Nem me deve fazer bem à saúde tantos nervos, tantas embirrações, tantas irritações..... Estou cansada!


Peço desculpa pelo desabafo, mas as minhas babes já devem estar fartas de me ouvir, o namorado igualmente e já não sei com quem desabafar..... =S

Bem eu vou tentar não me lamentar mais... Tenho que pensar nas coisas boas que tenho na minha vida...
Ou nas que estão para chegar....

16 comentários:

Isa P. disse...

Olá Cláudia. Eu penso que sei o que é viver assim, mas comigo é em relação à minha mãe. Sempre senti que tinha nascido na família errada e por mais que eu tentasse nunca conseguia sentir-me bem em casa. Desde muito pequenina que queria fugir de casa e com 18 anos fui trabalhar para longe. Acho que a vida é demasiado curta para vivermos assim, temos que arranjar força para nos sentir-mos bem e coragem para mudar de vida. Ânimo. Beijinhos

Isa P. disse...

Fazes bem em desabafar, e sempre que o quiseres fazer em estou aqui para "ouvir". beijinhos

Anita disse...

claudia tens que ter calma, nao podes explodir assim, pensa em tudo de bom que tens e agarra-te a isso, para que seja mais facil ultrapassar a situação.
eu sei o que e isso, porque passei varios anos a sentir isso mesmo, e tive que me aguentar, mas e muito triste quando não nos sentimos bem na nossa casa, familia, nos nossos.
beijinhos e desabafa sempre, pois faz-te bem. força

Anita disse...

claudia tens que ter calma, nao podes explodir assim, pensa em tudo de bom que tens e agarra-te a isso, para que seja mais facil ultrapassar a situação.
eu sei o que e isso, porque passei varios anos a sentir isso mesmo, e tive que me aguentar, mas e muito triste quando não nos sentimos bem na nossa casa, familia, nos nossos.
beijinhos e desabafa sempre, pois faz-te bem. força

Anita disse...

claudia tens que ter calma, nao podes explodir assim, pensa em tudo de bom que tens e agarra-te a isso, para que seja mais facil ultrapassar a situação.
eu sei o que e isso, porque passei varios anos a sentir isso mesmo, e tive que me aguentar, mas e muito triste quando não nos sentimos bem na nossa casa, familia, nos nossos.
beijinhos e desabafa sempre, pois faz-te bem. força

Anita disse...

claudia tens que ter calma, nao podes explodir assim, pensa em tudo de bom que tens e agarra-te a isso, para que seja mais facil ultrapassar a situação.
eu sei o que e isso, porque passei varios anos a sentir isso mesmo, e tive que me aguentar, mas e muito triste quando não nos sentimos bem na nossa casa, familia, nos nossos.
beijinhos e desabafa sempre, pois faz-te bem. força

Marlene disse...

Concordo com a Isa, Cláudia...
Eu também passei por uma situação idêntica, quando estava grávida, e abrangia o meu pai, mas tb a minha mãe... Felizmente já não moro com eles, mas trabalhava com eles o que era igual... Tenta ver outras soluções além da que tens em vista para daqui a um ano! Pensa.... tira ideias da tua cabecinha.... As vezes há soluções que não nos estão à vista...
Não desistas de procurar o que é melhor para ti... Esse ano que falas vai te parecer uns 10 e vai custar muito a passar, e isso deixa mazelas! Eu sei do que falo...
Tenta procurar outras saídas, vais ver que vai aparecer uma que te vai aliviar a mente, o corpo e a alma.
desejo-te muita sorte.
Bjinhos e qq coisa é só falares.
Marlene
http://donadecasadesajeitada.blogspot.pt/

ádescávir disse...

Oh minha querida =( lamento mesmo muito que as coisas estejam assim. Compreendo quando dizes que já não suportas nada, tudo te irrita (não sendo o mesmo caso) tenho uma colega que me faz sentir assim, o facto de existir irrita-me. Acho que às vezes a vida tem mesmo que dar uma volta de 180º para que as coisas mudem mesmo. Já pensaste em pegares no moço e pirarem-se daqui? Não digo para fora do país, mas para outra cidade. É claro que custa e sobretudo não havendo dinheiro. Mas será que a tua felicidade não é mais importante?

Se precisares de falar já sabes ;)
Beijinhos :D

abspinola disse...

Como te compreendo!
O mesmo sentimento que tenho... ha mais de 2 meses que nao vejo os meus Pais, levantaram tantos problemas que desliguei a ficha, desde nomes ao meu marido, desde ofensas a mim e ao meu filho que chegou a dia em que disse basta, agora ´so telefonar e quando atendem, é uma tristeza sentir que estou na familia errada, a força maior é o meu filho e meu marido eles sim são a minha familia.

Infelizmente há antas pessoas que vivem este drama.
Bjstos quida
Um optimo dia.

ádescávir disse...

Eu gosto de testamentos :P
Pois, eu compreendo. É complicado assim. Tenta passar menos tempo nas mesmas divisões que ele.
E a ver se o tempo passa rápido :D

Sini disse...

Oh linda, lamento a situação que te encontras, não deve ser fácil! :( Viver assim sempre sob tensão e stress :( Ainda por cima desempregada...não consegues arranjar mm nada?

Miss I. disse...

Oh querida que situação em que estás! Isso não é viver! Não te faz nada bem! A verdade é que sabes que não tens condições para saires de casa. Só espero que isso se resolva rapidamente e possas andar mais descansada! E olha por mim podes desabafar à vontade! Até te dou o meu email se quiseres falar! Pensamento positivo! Olha que amanha vais-te dievrtir muito no Rock in rio!

Beijinhos Linda!!

Anita disse...

agora sim, és chamada ao estaminé ;)
bj

Pretty in Pink disse...

Falando por mim, podes desabafar sempre sempre sempre que precisares :) Não é uma situação nada facil e poder ter com quem contar é muito importante :) Eu estou aqui ;)

Ahh e ja tinha reparado nos palmiers lá, ainda bem que me dizes, para a proxima compro :D

Beijinho*

Xs disse...

Depois de ler os comentários das outras leitoras, so me resta dizer-te que sigas os conselhos delas.
Nunca passei por essa situação, por isso nao consigo imaginar, mas acredito que seja bem dificil!
Acho que a melhor soluçao é começares a pensar só em ti, no que é melhor para ti, arranjares emprego longe, e saires daí. Começares a construir a tua vida!
Força! :)

An@ disse...

Olha... não sei o que te dizer! o meu pai morreu quando eu era muito nova, não tenho recordações nem coisas que me possam irritar nele, não tenho nada dele... por outro lado conheço bastantes pessoas que têm dificuldades de relacionamento com os pais... parece que tem um pouco a ver com a grande diferença entre as gerações, e/ou para os reformados que começam a sentir que já não são úteis à sociedade e/ou não admitem que possam estar deprimidos (pk isso não é coisa de homem)...
mas não sei mesmo que te possa dizer para te animar...bjoca

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...