Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

domingo, março 29

Liebster Award

A querida da Patrícia desafiou-me e eu aceitei claro =)
Apesar de já ter respondido a este desafio já há algum tempo, volto a responder que com certeza as respostas agora serão outras.







11 factos sobre mim:


- Sou mais forte do que aquilo que pensava

- Afinal acho que até nem desgosto muito de conduzir

- Quando sou amiga, sou amiga a sério e entrego-me de verdade

- Não consigo ser falsa. Sejam sorrisos, sejam palavrinhas, não consigo. Acreditem, olhando para mim percebem que disfarçar não entra no meu vocabulário.

- Não uso relógios apesar de ter ali um e ser um esforço para o usar lol

- Descobri que um sonho que tinha (entrar na banca) neste momento é quase um pesadelo

- Dou-me melhor com homens do que com mulheres

- Adoro polícias (alguém que não sabia desta que se acuse LOL)

- Adorava andar num motão e motão a sério, tipo R1 vá

- Gostava de ir a Fátima a pé (fica para um post)

- Não sei ser fofa/querida. Para o ser, é preciso fazer um esforço do caraças. Sou toda bruta montes =P




As perguntas da Patrícia para mim são:




O que dá sentido à tua vida?




Sinceramente nem sei. Neste momento sinto que a minha vida nem tem muito sentido até.

Sinto-me um bocado perdida.

Mas a família e os amigos, tentar ser melhor todos os dias, dá assim uma especial orientação à "coisa".







Tens algum sítio que seja o teu refúgio? Qual?




A minha cabeça enfiada num livro. A sério.

Para já, só a minha cabeça chegava. Ando sempre no meu mundo.

E quando leio, Jesus, vou para dentro do livro. A personagem principal sou eu.




Filme e série favoritas?




Não tenho favoritos. Gosto de tanta coisa e vejo tanta coisa e é tão variada que é difícil escolher um.

Mas vá, assim um filme que até comprei o original, imagine-se, eu, que só faço downloads legais =P , foi o pianista. Amei.




De que é que tens medo?


Ui, de tanta coisa!

Comecemos?

Bichos! Praticamente de tudo o que mexa! Abelhas, aranhas, centopeias, borboletas, gafanhotos (pavor mesmo), gatos odeio, cães amo mas tenho trauma e logo imenso medo... a sério, bichos. Tudo o que seja não humano =P

De sofrer. Seja a morrer, seja o que for, não quero sofrer.

De ser rejeitada pela família (e isto tem direito a post com explicação)

De perder as únicas pessoas que na vida me entendem. Sou uma pessoa complicada e são poucas as pessoas que se aproximam de mim. As que se aproximam e ficam de verdade após ver o mostro que sou, são as que tenho "medo" de perder.



Chega! =P


Foi profundo, foi bonito mas já chega.


Não nomeio ninguém pois já sei que muita gente fez isto.

Mas mesmo assim, quem quiser leve =)

6 comentários:

Aiaminhavida 1989 disse...

Ai amiga....nem se consegue quase ler!!!Que dor de olhos!
Tenta por o post com outra cor querida!
Gostava muito de o ler!
Um bom domingo!

Anónimo disse...

Boa tarde

Desculpa mas é de a mim ou a maioria do texto está sublinhado a branco com letras cinzentas claras e não dá para ler nada

estrela disse...

temos aqui uma claudia toda valente é o que é!
e isso dos mimos e ser querida depende de certeza, já tenho visto posts em que fazes coisas simpáticas!!!

Avelã disse...

Por acaso vi no feed e já estava a pensar como era possível que, em tanto ano de blog, nunca tivesses respondido... Já és veterana por estes lados! :D
O texto fere-me os olhos um bocado :/ é difícil de ler :P
Eu não consigo andar sem relógio, é muito stress :P não sei como aguentas!
Esse teu fascínio por polícias ultrapassa-me :P nunca vi ninguém tão aficcionado :P já fizeste psicanálise?... haha :P
Espero que tudo se arranje :( há sempre alturas assim, mas estás no bom caminho :)
Ler ajuda muito a abstrair, é uma maneira de deixar de se ser o próprio por algum tempo. Até televisão e assim, mas não é a mesma coisa...
Eu tenho um monte de filmes «legais» do meu pai, por acaso :) e séries vejo na TV... Sou uma cidadã cumpridora ;) haha
Abelhas, também morro de medo delas :P de resto mais ou menos, faz impressão mas não muita, apesar de uma bela aranha de pata grossa ter o seu quê de arrepiante.
Odeias gatos?! :o eu acho cães mais giros, mas não odeio nenhum animal. Nem mesmo as abelhas, gosto demasiado do planeta para isso :P haha
Acho que todos tempos medo de sofrer, faz quase parte da definição...
Realmente medo de ser rejeitada pela família é estranho :/ claro que não sei nada sobre a tua família, mas acho que isso nunca aconteceria! ;)
Gostei de ler as tuas respostas ;) é sempre interessante saber mais sobre a pessoa por detrás do blog, para além das postagens regulares :)

Maresia disse...

Já fui a Fátima a pé e posso afirmar que não há experiencia igual em todos os aspectos, mas principalmente nos aspetos fisicos e sentimentais

ádescávir disse...

Hmm, fico curiosa e expectante em ver esses pontos bem explicados. A ver se um dia também respondo :P

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...