Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

sexta-feira, janeiro 18

Ainda havia quem tivesse dúvidas....

Isto mais parece o muro das lamentações, mas se é assim a mimnha vida, nada mais posso fazer.

Eu bem queria vir para aqui contar coisas boas, mas pelos vistos, acontecem a muita gente, mas não é a mim.
Sim já sei, tenho casa onde viver e estar abrigada, tenho comida e roupa para vestir, por pouca que seja, tenho saúde q.b.... Mas a questão não é essa.


Muitas de vocês me perguntaram se não havia a hipóteses (ainda que remota) de eu voltar a falar com o.... pai dos meus irmãos. (sim, é meu pai também, mas já não tem lógica chamar-lhe isso, ou aliás, cada vez me faz mais confusão).

Eu respondo: não.

Mais uma vez apanhei-o a falar mal de mim.

E desta vez o pior não foi o falar mal de mim. É o estar a tentar pôr a minha mãe contra mim.
E com sorte a dele, se calhar ainda consegue.

Chegou ao cúmulo de dizer à minha mãe que ela tem medo de mim porque eu ainda lhe bato, que ela se rebaixa porque tem medo de mim, que é minha criada e que me faz as vontades todas. Que lhe faz confusão a minha mãe ser boa para mim. Que eu grito com ela e ela rebaixa-se mais uma vez.

Sim discutimos e refilamos uma com a outra, a nossa relação nunca foi perfeita, à pala de mentalidade e acções, mas eu nunca na vida tratei mal ou bati na minha mãe. Nunca a ameacei, nada.

Ora com isto tudo, passei-me, óbvio.
As vontades que são todas realizadas são as do"meu" pai. Quem tem criada é o "meu" pai.
E é sempre a mesma pessoa, a minha mãe.

Pelos vistos fazerem-me as vontades é eu pedir uma omelete para o almoço e pelos vistos já nem a isso tenho direito.

Eu percebo, ela ao perder tempo comigo, não pode estar a ser criada dele ao mesmo tempo.

Ele não faz nada em casa, não vai buscar um copo de àgua, não vai buscar nada, não faz nada, não levanta o cu do sofá para nada e quem lhe faz as coisas? A minha mãe....

Mas quem é que me faz as vontades todas a mim? Pois....
Eu faço tudo o que posso e não posso para não incomodar a minha mãe para ela não ter que andar de um lado para o outro pois sei que não consegue com os joelhos, mas sou sempre eu a criticada.

Já me mete nojo o "meu" pai.
Eu andava a ver se me acalmava e a tentar não mandar bocas, mas pelos vistos é isso mesmo que ele quer.

A intenção principal deve ser pôr-me na rua por eu me passar da cabeça ou eu sair de livre vontade por já não aguentar mais.
Seja qual for a intenção, está a conseguir.

Só tenho pena é pela minha mãe e irmã, que têm que levar com este monte de merda.


TRABALHO, CHEGA RÁPIDO!
A minha vontade de sair de casa cada vez aumenta mais....

10 comentários:

ádescávir disse...

Epá, que homem tão estúpido!
Mas sabes que há uma coisas que se chama karma, certo? Deixa lá que quando o karma lhe chegar....

An@ disse...

Há situações na vida que não têm solução à vista, mas com o tempo as coisas vão mudando e tem fé que seja para melhor!
Bjocas e bom fim de semana!

PINTA ROXA disse...

Já te disse uma vez que te entendo perfeitamente, pois sei bem o que isso é.
Tem calma e tenta ignorar o mais que conseguires, eu sei é dificil e sei o que é estar a morar com o"s" pai"s" quando ele é pior que um Burro velho, e o estar na nossa casa sem que ninguem nos diga nada.
A vida é complicada e por vezes as pessoas ainda a complicam mais, se te poder ajudar de alguma forma diz...
Beijocas muito mas muito grandes e aproveita que o fim de semana está mesmo a bater á porta e possivelmente vais estar mais tempo com o namorado na rua do que aí em casa...

jocas

Maria disse...

Estou a ver que a coisa não anda famosa para esses lados....força aí

Pretty in Pink disse...

Vá mulher tu tem calma! Quem sou eu para vir para aqui dizer coisas do teu pai que nem conheço, mas realmente o panorama que mostrar não é de todo animador...Olha o que te posso dizer é para tentares manter a calma, não lhe dês o gostinho de conseguir o que quer, que é basicamente irritar-te!

Beijinhos*

Anita disse...

um beijinho e muita força.
espero que melhores dias cheguem para ti

Aislin disse...

Querida Claúdia:

Gostava de ter coisas boas para te dizer e conselhos daqueles mesmo bons.
A única coisa que posso de facto fazer é esperar que as coisas se resolvam da melhor forma, para ti. Há coisas em que temos de ser um pouco egoistas.
Faz o melhor para ti, seja respirar fundo, fazer meditação ou simplesmente partir os pratos do jantar (vá bom... não há necessidade de sermos agressivos..)
Espero que encontres um trabalho em breve e que a tua vida se resolva antes que a tua sanidade mental faça as malas sem que dês por isso.
Beijinhos querida!
E apesar de nos "conhecermos" há muito pouco tempo, se quiseres, podemos "textar" um pouco. Às vezes faz bem despejarmos um pouco a quem não nos conhece.
Beijinhos* Força! Nunca desistas!

Sandra Tavares disse...

Não consigo imaginar um pai assim, eu que adoro o meu. Só te consigo dizer para teres calma minha querida , tudo se vai resolver. Beijinho.

Xs disse...

Espero que tudo se resolva... rapidamente!
Força! ;)

estrela disse...

todos nós temos sempre alguma coisa a perturbar a nossa vida...acho que faz parte deste desafio que é a vida...
tenta manter a calma e tentares fazeres tu própria as tuas coisas e assim ele vai deixar de ter coisas para pegar....os homens são sempre mais difíceis não consigo perceber o porquê!
bjs grandes e sê paciente!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...