Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

quarta-feira, junho 11

Descansa em paz

Pelo título já devem ter percebido.

A minha avó faleceu ontem às 21h no hospital. =(

Fomos lá, como sempre, durante esta semana que ela durou lá, eram 17h.
Desta vez apareceu uma enfermeira a dizer que a situação era grave, muito grave.
E nós a dizer que desconfiávamos mas que na realidade, ainda não sabíamos de nada ao certo.

Após algum tempo, minutos, chamaram a minha mãe, a mim e à minha irmã.
A notícia era a esperada embora a vontade de a ouvir fosse zero.
Cancro no pâncreas, já muito grande e tão desenvolvido que alastrou para o fígado, estômago e pelo vistos já lhe estava a apanhar os pulmões.

Não chegou a fazer o tac afinal, pois já nem com as radiações aguentava.
Mas o diagnóstico era esse mesmo. O líquido que ela tinha na barriga não enganava.

Ela ao não falar e ao não abrir os olhos, ontem nem acordou, era sinal que já estava mais para lá que para cá.
Eles não disseram uma data, mas disseram que 2 meses não durava. Mas podiam ser umas horas como uns dias. Agarrámo-nos à esperança que ela aguentaria até ao dia de anos dela, 14 de Junho.

Eram 21h do dia de ontem, 10/06/2014 e ligaram para casa a dizer que a minha avó tinha falecido. =(

Não há palavras para explicar o que sinto.
A tristeza, a dor, o sofrimento que vai cá por casa....

Custa muito, dói muito.

Ontem nem sei se ela sentiu a nossa presença lá, enquanto lá estávamos, mas a única coisa que sabemos, é que foi em paz.

Descansa em paz avó.
Ficarás para sempre nos nossos corações =(


12 comentários:

Pedro disse...

Os meus pêsames. Muita força :)
Beijinhos*

Timtim Tim disse...

Para quem, como eu, acredita na vida para além da morte, ela está, agora , num lugar com muita paz e em tranquilidade. A dor sentem-na vocês. Mas ela, vai continuar a olhar por vocês, mas agora num sítio muito melhor para ela. Beijo grande de coragem.

Karina Alves disse...

Um beijinho do tamanho do mundo querida.

Já sabes que se precisares de alguma coisa estou aqui.

Beijocas e Força.

Te disse...

Oh querida Claudia... Nestas alturas nenhumas palavras que se digam significam e valem alguma coisa...

Tenho lido os teus posts sobre a tua avó e cada vez mais me identifico com toda esta situação. A minha avó faleceu em Novembro e a tua descrição dos acontecimentos encaixa direitinha com a minha situação. Leio o que escreves e penso sempre na minha avó e em tudo o que ela passou, e quanto mais te leio mais penso nela, ainda é recente e a dor não passa assim tão depressa.

Daqui deste lado não vão palavras de coragem e de força porque só nós sabemos a melhor maneira de lidar, ou não, com a situação por isso daqui apenas vai um beijinho grande, de quem percebe a dor tão forte que sentes.

Beijo enorme.

Te

Bruna disse...

Muita força, sei que a dor é enorme... a tua avó está certamente em paz e sem qualquer tipo de sofrimento.
Coragem, bjnhs -.-

Tal mãe, tal filha disse...

Lamento imenso, infelizmente conheço bem a vossa dor. Acredita que agora está em paz, o sofrimento dela acabou e é nisso que devem pensar.
Dói e há-de doer sempre mas com o passar do tempo vemos e sentimos de maneira diferente.
Um abraço apertadinho.

Beijos/ A Mãe

conteudovazio disse...

Minha querida! De certo que ela sentiu a vossa presença assim como o vosso amor por ela.
Como já disse, e como já disseram aqui em cima. Não há palavras que possamos dizer que possam fazer-te sentir menos dor. Espero apenas que consigas ultrapassar e lidar da melhor maneira: aquela que achas ser melhor para ti.

Beijinhos querida, muita força e já sabes Tlm 24/7!
*

Opinante disse...

Infelizmente conheço essa dor, mas agarra-te ao facto de ter terminado o sofrimento para ela... Abraço muito apertado neste momento tão difícil...

PINTA ROXA disse...

ohh Linda, os meu pêsames, nesta altura não há muito a dizer a não ser força, ela sabe que voçês a amavam e isso é o mais importante.
Beijinhos do tamanho do Mundo

Life is Sweet disse...

Um beijinho muito grande para ti...

Marisa Reis disse...

Coragem Cláudia, pensa que deixou de sofrer e que estará num sítio melhor, temos que ter fé nisso, que junto de Deus não sofre mais, recorda os bons momentos que viveram e as lições de vida que te deixou, acima de tudo acredita que onde ela estiver olhará sempre por ti. Um beijinho e um abraço apertado.

Pérola disse...

Minha linda,

A dor não passará, mas o tempo acalmará o teu coração bem como os da família.
Faz o teu luto, mas não te deixes ir abaixo.

Todos teremos a nossa hora e felizes dos que podem viver alguns anos.

beijinhos e conta comigo...sempre.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...