segunda-feira, janeiro 8

Do fim-de-semana comprido

E já cá estou malta.

Por onde começar? Posso dizer que gostei, mas foi um stress...

O marido saiu do trabalho, apanhou o meu avô e foram os dois buscar-me.
Só logo aí foi um stress. Tantas pequenas coisas para fazerem antes de me apanharem, Jesus...

Lá me apanharam e seguimos em direcção a Leiria, onde passámos a noite.
Às tantas, já perto do local onde íamos parar, o meu avô diz que já estávamos perdidos, começou-me a stressar, eu começo a stressar com ele, o marido a stressar também e ai senhores, tive vontade de o deixar ali mesmo 😆
Jantámos e tivemos na conversa. Foi também um fartote de rir e mataram-se algumas saudades.

Sábado preparou-se tudo e depois do pequeno-almoço lá seguimos para o Porto.
Já estava o almoço à nossa espera e eu já estava com os nervos para fazer a minha nova menina.

Arrancámos e lá fomos nós, como combinado, às 16h.

Posso dizer que doeu, doeu mesmo ou sou eu que ando muito intolerante, mas foi tão rápido!
Eram 16h40 e já estava tudo feito e neste espaço de tempo ainda corrigiu o desenho uma vez, pois não estava no sítio pedido.

Ei-la, em plena coluna:


Estrelas grandes com um significado, estrelas pequenas com outro.
A ideia era para as estrelas grandes começarem mais acima, mas o medo de "represálias" por causa de trabalhos que possa vir a ter impediu-me de colocar as estrelas mais à mostra.
Mas talvez vá acrescentando estrela a estrela e uma delas acabe por ir mesmo para cima.

Saímos do salão e fomos às compras, ao Outlet do costume de Vila do Conde.

Já se fazia tarde quando saímos de lá e decidimos jantar no restaurante Madureira's. O marido acha que ir ao Porto e não comer francesinha, não é ir ao Porto 😆

A francesinha do marido

O meu hambúrguer, carregado de coisas e posso dizer que não comi nem metade.

Domingo acordou-se e enquanto os meninos ficaram em casa a jogar e a fazer o almoço, eu e a mana fomos matar saudades das nossas caminhadas e lá fomos nós.
Depois de almoço lá viemos embora para voltar a Leiria para ir buscar o meu avô e virmos então para casa.
Só que, à vinda para Lisboa, desde o Porto, tivemos uma companhia especial:

 Não, não ficámos com um. Apenas o trouxemos porque a Srª que quis ficar com ele é de Lisboa.

 Veio praticamente o caminho todo a dormir e, quando acordava, era para me dar umas trincas 😆
Aqui nesta foto de cima, o menino decidiu usar a minha mão como almofada 😛

Um fofo e ficámos com pena de não poder ficar com um por não termos uma casa grande.

Claro que a voltar o meu avô voltou a "perder-se" no seu GPS mental e lá foi um stress de novo 😑

Foi um fim-de-semana super cansativo, mas claro, soube imensamente bem.
Aproveitei e hoje fiquei por casa para supostamente descansar, mas acabei por andar a tratar da casa e da roupa 😒

Por aí, que se fez?


5 comentários:

Ana Pinheiro disse...

Ai ai o que vejo aqui adoro francesinha e essa está com uma aspecto maravilhoso! As tatuagens ficaram, bem giras! Espero que o cachorrinho esteja muito feliz com o novo dono.
Bjs
Ana
www.receitasfaceisrapidasesaborosas.pt

Tal mãe, tal filha disse...

Mas que fim de semana! E como é bom rever família que não se ve a algum tempo

Beijinhos/ A filha

Cantinho da Gaiata disse...

Hahaha, já me ri, por causa do avozinho, GPS meio avariado. Grande Stress!
Gostei da tua nova menina, mas como cusca, bem que podias ter divulgado o significado das estrelas grandes e pequenas, mas pronto fica para outro post.
Claro que ir ao Porto e não comer uma Francesinha é como ir a Roma e não ver o Papa.
Gostei de ver o cão, mas assustei-me socorro mais uma aquisição, mas uffa não!
Beijinho grande minha querida e até breve.

Isa Sá disse...

Aproveito para desejar uma ótima semana!


Isabel Sá
Brilhos da Moda

m-M disse...

Amo, amo, amo a tatuagem! Tens que me dizer onde a fizeste! :D

Aaaai que fofura! <3 Quase me dá vontade de ter um também...

Beijinho e boa semana,

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...