segunda-feira, julho 22

Do fim-de-semana

Quinta e Sexta o marido ficou por casa. É uma chatice só se saber no próprio dia, porque assim não dá para organizar nada.

Mostrei-vos a nossa Quinta... e que Quinta! Só comida para o engorda 😛

Sexta, como só soube que não ia trabalhar por volta das 14h30, nada deu para fazer além de tratar da casa, da roupa e compras.

Nem praia, nem passear, nada... 😠

O jantar foi quase especial e decidi fazer-lhe novamente um gin.
Não havia copo alto, mas pelos visto o marido adorou mesmo e ficou muito bom, segundo palavras dele...

Gin com mirtilos e umas gotas de limão

Sábado acordamos super cedo, tendo em atenção que na Sexta eram 2h e ainda estávamos a pé.
Arranjamo-nos, começamos a preparar a mala da viagem e eu fui tratar das minhas unhas, que, na foto em cima, dá para ver bem o crescimento.
Acabámos por almoçar na minha mãe e lá saímos em direcção a Óbidos.

Fomos logo ao local do levantamento dos dorsais. Aquilo era um club de golfe lá perto da Lagoa de Óbidos... que lindo! Uma vista brutal.
Depois ainda demos uma volta pela Lagoa e de facto, nunca tinha lá estado.

O tempo, esse, esteve uma treta.
Esteve frio, nevoeiro.... E saímos nós daqui com quase 30º graus.

Depois dos passeios, fomos lá para o quarto.
Chegámos lá e o quarto que escolhemos, com wc privado, estava ocupado.
Ficamos num sem wc privado, mas à mesma tínhamos um wc só para nós. Menos mal.
De resto, os Srs. foram uma simpatia, muito amáveis e preocupados.
Pudemos fazer late check out pelo mesmo valor, pequeno almoço incluído e lá está, os Srs. foram uma simpatia.
O quarto não tinha tv nem nada e portanto fizemos uma sesta e como o marido no Domingo tinha que acordar cedo, deitamo-nos cedíssimo.
Posso dizer que descansei bem, bastante bem, li o meu livro e visitei um sítio que nunca tinha ido.

Domingo, depois da prova do marido ele apanhou-me lá no quarto, arranjou-se e fomos almoçar ao Bombarral.

Viemos para Lisboa com o carro com uma luz acesa e lá vamos nós gastar dinheiro.... 😕😖

Fomos, antes de ir à oficina, a mais um sítio onde nunca estivemos.
À gelataria Nanarela.
Sítio muito pequenino, é mesmo só pegar no gelado e sair, mas os gelados eram mesmo bons.
Não tirei foto porque o gelado estava muito por fora da bolacha e tivemos medo que começasse a derreter.
Eu comi de avelã, coco e morango.
O marido comeu de Oreo para eu provar, melão e outro que não me recordo.

Viemos para casa arrumar tudo e cá estamos nós para mais uma semana, eu a iniciar de novo novas funções e com os nervos nos píncaros.

Por aí, que se fez?


sábado, julho 20

Até já

Ora último fim-de-semana desempregada, por agora.

A sério, não vou criar esperanças de nada. São apenas 3 meses e logo se vê.

Como é o último fim-de-semana e vou acabar por não ter férias, decidi acompanhar o marido até Óbidos. Ele vai ter uma prova no Domingo e vamos já hoje e dormimos lá.

Acho que o sítio onde vamos ficar é muito bom!

E vou aproveitar para conhecer a Lagoa de Óbidos, que acho que nunca vi.

De resto, as limpezas já estão feitas, a roupa passada e espero descansar, passear e ler os meus livrinhos.

Ah! Ver se apanho sol!
Maldito tempo!


Por aí, divirtam-se!


sexta-feira, julho 19

Do dia de ontem

Ligaram-me lá da empresa e tenho mesmo que começar já na 2ª feira. Conclusão?
Não há cá férias para ninguém....

O marido acabou por ficar em casa, que o patrão disse-lhe que não havia trabalho e então decidimos aproveitar o dia para nós.
Ouro sobre azul.

Ele este ano acaba por ter as férias estragadas por causa do meu desemprego e então vamos aproveitando estes tempos...

Saímos de casa depois de almoço e fomos até Lisboa.
Eu queria ir à praia mas ele não estava com vontade, então fomos passear.

Fomos pela 1ª vez ao Choupana Café. Decidimos ir ali ao de Stª Apolónia.
Está super escondido! Mesmo dentro do cais de embarcação dos cruzeiros, mas o novo.

Estava vazio o café, mas comeu-se bem:

 A dividir pelos dois, um red velvet com chocolate de leite, muito bom!
 Aqui em grande plano, um scone, muito bom também.
Sumo de laranja para mim e de melancia para ele, que não tirei foto.


Saímos de lá e lá continuámos a nossa caminhada.

Passámos mesmo pela estação de Stª Apolónia e vi lá uma lojinha da Berlineta!
Não comi nada, mas tinham tantas variedades de bolas de Berlim... Adorei 😀



Depois de mais uma voltas, acabámos no Mercado da Ribeira e o homem, não contente já com tudo o que tinha comido, ainda vai comprar um pastel de nata na Manteigaria, porque eu falei que era muito bons.
E são mesmo 😜



Depois de ainda mais umas voltas, dá mais uma macacoa ao marido e decide que quer ir de uma vez por todas ao Ribs & Company...
Fomos ao de Odivelas.

 Para entrada, nachos e pedimos tudo separado porque eu não gosto de nada 😛
Queijo derretido, carne de porco desfiada, cebola frita, molho barbecue, e feijão...

 Para ele, claro, tinham que ser as Ribs com molho barbecue...

 Para mim foi um hambúrguer e eu achei tudo picante, até o arroz!
Mas estava bom! Muita comida, fiquei super cheia. 


Foi um belo de um dia.
Só gastar dinheiro, como eu não gosto nada, mas que faz falta e é preciso.

Agora é tentar descansar o resto dos dias que faltam que, também vão ser passados fora.


quinta-feira, julho 18

Acabou também, rapidamente

Pois é, ainda na Terça o estágio acabou e na Quarta, aquela empresa que vos escrevi, ligou-me a dizer que tinha sido escolhida.

Apesar das minhas dúvidas todas, decidi aceitar.

Estou perto de casa e como as funções me parecem um desafio, aceitei.

Rapidamente entrei de férias e ainda mais rápido as mesmas acabaram 😛

Com um misto de sentimentos, decidi aceitar..

Entre o irá correr bem e será que vale a pena o risco e a ansiedade de começar já a meter mãos na massa, lá vou eu.

Vou tentar ter a próxima semana de férias, mas eles querem mesmo que eu comece já Segunda-feira.
Mas tenho ainda assuntos pendentes, portanto, vamos lá tentar negociar.


Nos entre tantos também me candidatei para aquele concurso público das mil vagas e estou com o olho fisgado nele.
Como são sempre coisas que demoram imenso tempo, vou ganhando mais experiência na área financeira.

Desejem-me sorte e eu espero ficar com um espírito mais animador!


quarta-feira, julho 17

Estágio

ACABOU!

Acabou ontem. Ontem foi o último dia.

Sabem que avaliação o Tutor me deu??? 13,5 valores!

Até na avaliação da higiene e segurança deu 15 ou 16 valores. Ou sou eu que não tomo banho ou se calhar pus a vida de alguém em risco.

Amarrou mesmo o burro por eu ter dito que não me identificava com as pessoas...

Enfim, mas eu sempre disse que isto não valia para nada, e não vale.

Valeu apenas mesmo para eu aprender 400h de SAP Hana e pronto.
E a fazer lançamentos, mas sem nunca me dizerem as contas. Isto é que me irrita!

Eu só copiava das facturas anteriores. Nunca houve uma explicação efectiva.

Enfim....


Hoje eu sei que estou de "férias"... Amanhã?

Logo se vê 😛


terça-feira, julho 16

Dúvidas e mais dúvidas

Até à data, a empresa que me pareceu ser a melhor para mim, com a função mais adequada, ainda não disse nada.

É certo que as coisas atrasam, nem sempre cumprem os prazos que dizem e ainda estou a aguardar... mas claro que desmotiva um bocado.

No entanto, tive mais uma entrevista, a 2ª fase, para outra empresa.

A função é para a área financeira e fica pertíssimo de minha casa.
800€ nos primeiros três meses (esses, à experiência) e depois, se tudo correr bem, o ordenado poderá aumentar.

Em termos de funções, como houve uma reestruturação da empresa, passa por inserir dados no programa e fazer lançamentos contabilísticos; Tesouraria; Fechos mensais, reports, etc...
Vai de encontro com o que procuro em termos de funções e até me parece ser um desafio interessante, já que é para quem entre, ajudar na própria reestruturação.

O meu problema prende-se mesmo porque não considero uma empresa estável.
Existem muitas reclamações a nível das vendas. É certo que não é o que vou fazer, mas os receios instalam-se.

Também me preocupa a rotatividade da empresa, uma vez que percebi na entrevista, que estão constantemente a sair e a entrar pessoas e, a pessoa com mais anos na empresa está lá apenas há 4 anos.

Lá vêm as dúvidas.

Já sei que não é trabalho que vá durar muito...

Arrisco? Não arrisco?
É perto de casa, o ordenado é baixo mas não tenho que gastar dinheiro em gasolina e portagens.
O horário é o normal. 9h - 18h.
A função, lá está, parece um desafio.

Por outro lado, a rotatividade, poucas pessoas com muito tempo de casa. Trabalho que, se durar 2 anos, não é nada mau.

E volto à estaca zero, sem saber se desisto disto tudo e dou, por agora, um tempo à procura de trabalho e tenho férias, se arrisco, sem medos, porque mesmo que corra mal, penso que consigo voltar aos 9 meses que me faltam de subsídio de desemprego.

E lá ando eu, constantemente a saltitar...

Sinto que só tomo más decisões e sinto-me de novo a afundar...


segunda-feira, julho 15

Do fim-de-semana

Sexta como tive uma entrevista, não consegui vir tratar da casa.

Acabámos por ir a casa da minha madrinha de casamento e estivemos lá com ela e o meu afilhado.
Soube muito bem, divertimo-nos e matei as saudades todas. 😊

Sábado o marido foi treinar de manhã mas eu queria descansar.
Escusado será dizer que, com os nervos, acordei à mesma hora que ele e não dormi mais nada... 😔

Tratamos de tudo, até a ferro passei enquanto ele foi às compras.

Arranjamo-nos e fomos lá ao jantar dos colegas dele do ginásio. Fomos os primeiros a chegar. O dono da casa pareceu-me super calminho e perfeccionista e identifiquei me imenso. Super cuidadoso com tudo.

Entretanto começou a chegar o resto do pessoal e posso dizer (sem que ele saiba 😛) que passei uma boa noite. Estava calma, a comida estava toda óptima, das entradas, à refeição, até as sobremesas. Excelente mesmo.
Estivemos sempre à mesa na conversa e foi fluído. Até disse ao marido "para a próxima faço isto e aquilo de comida" e ele disse logo "próxima? Eh lá... estás doente" 😛

Não há fotos. Toda a gente se esqueceu 😂

Domingo já conseguimos dormir mais.
Queria ir à praia mas mais parecia que ia era chover. Enganei.me redondamente..
Posso dizer que nos levantamos, pequeno almoçamos e fomos deitar no sofá 😛
Eu ainda passei pelas brasas. Oh maravilha.

Chegada a hora, arranjamo-nos e fomos para a Expo, para passear e aguardar a hora do concerto.
Soube-me pela vida o passeio que demos por lá. Muito bom mesmo.
Acabamos por jantar num restaurante chinês e lá fomos ao concerto.

Fiquei sem palavras. Eu só adorei!
Grandes vozes, cativam toda a gente, fazem piadas... que excelente espectáculo.
E eles, cada um melhor que o outro.

Tenho pena que o telemóvel decidiu aparvalhar e estava tudo desfocado e sei la que mais... mas vale o que está nas nossas cabeças.

Eu fiquei foi chocada, que eles caminham todos para os 50. E há ali dois que Deus me segure.... 😂

São todos muito charmosos, mas os dois do meio... Deus.... 👌

Gostava mesmo de publicar as fotos que tiramos, mas ficaram todas uma treta! Tudo desfocado.
Já os vídeos, são muito pesados. Não sei se vão conseguir ver estes dois...






Mas lá está, fica o que está na nossa memória. Valeu cada cêntimo e se voltarem cá, perco o amor ao dinheiro e vou para a plateia, para os ver de perto.
Que concerto brutal!

Por aí, que se fez?


sábado, julho 13

Até já

Mais um fim-de-semana e já vamos a meio do mês.

Para este fim-de-semana há um jantar com uns colegas do ginásio, que treinam com o marido.
Vou fazer este esforço mas penso que vai correr bem.

Espero que haja praia, mas eu já nem digo nada, que não percebo este tempo.

Há as habituais limpezas e organizações e......

Há um concerto amanhã!

Finalmente vamos ver os Il Divo! Estou super ansiosa 😀

Por aí, divirtam-se!


sexta-feira, julho 12

Férias

Será que está tudo de férias por aí?

Anda tudo muito calminho 😊

Posso dizer que continuo sem notar que as pessoas estão de férias, de manhã!
Continua a haver imenso trânsito e não percebo porquê.

Com aquilo dos passes familiares até pensei que fosse acalmar, mas qual quê.

Quando eles começaram, notei, agora já não...

Que se passa afinal?

Vai tudo de férias em Setembro? 😝


quinta-feira, julho 11

Contagem decrescente

Estou mesmo nos últimos cartuchos do estágio.

Faltam, ainda com hoje, 4 dias!

Quarta da semana que vem supostamente é que seria o último dia, mas como é só 1h, a ideia é fazer 30 min na Sexta e 30 min na Terça e acabou-se!

Já nem sei como ocupar o tempo, estão a ser os piores dias do estágio, porque estou em contagem decrescente. Até consegui concluir a leitura de um livro que tinha no email 😛

Nunca tive muito trabalho, mas parece que agora ainda está pior.
É que nem a que me ensina sabe como ocupar o seu tempo...


Mas saio de consciência tranquila...

Não sei que raio de avaliação me vão dar, mas também estou à espera de uma coisa fraquinha. Como eu disse que não me sentia lá bem...

Mas nada de importante.

Só quero mesmo é que isto passe rápido!

 

quarta-feira, julho 10

Cedências?

O marido a semana passada perguntou se eu queria ir lá ajudar os miúdos do karaté ou que era, porque têm uma viagem para fazer até ao Japão.
Calculei que fosse alguma amiguinha do ginásio a pedir.
Dito e feito.

Lá fomos nós.

É verdade que as pessoas não me fizeram mal nenhum, mas eu não consigo ir para lá sorrir.
Irrita-me que ele me peça para ficar normal.
Não são meus amigos, não me dou com eles... enfim....

O certo é que, ao eu ir a estas coisinhas, posso "exigir" coisas de volta.



Sábado que vem, ao jantar, mais um encontro com o pessoal.
Não quero que se torne um hábito, lá está, não me identifico com as pessoas, mas sinto que ao eu fazer estas cedências, ele acaba por não ter por onde fugir e tem que fazer também o que eu peço.

Parece mal, mas a vida é toda ela um negócio 😝

Claro que só estando com as pessoas é que me habituo, mas sei lá... eu levo mais tempo que o normal.

Mas lá vamos nós.

Não o acompanho às provas, mas talvez ir a estes jantaritos e afins não seja assim tão complicado.
Ele já disse que vamos às 20h e às 23h estamos de volta.

Pode ser que assim nós nos entendamos.


terça-feira, julho 9

Administração do Prédio

Posso dizer que não está a correr nada mal!

Como vos disse, sou administradora do prédio, este ano.

Calhou logo, claro, decidir toda a gente fazer as obras no prédio este ano.

Fiquei eu com o pincel.

Mas pelas conversas, quase que me assustaram.
E este não paga, e este é uma chatice, e o outro isto, o aquele outro assado...

Comecei por enviar emails com tudo referente às obras, tenho acompanhado todos, em conjunto e individualmente e a coisa não me aprece, de todo, estar a correr mal.

O pior que disseram que ia demorar a pagar e que nunca conseguiam falar com ele, já consegui ter o nº de telemóvel do condómino, do contabilista dele e emails dos dois 😂😂😂
Melhor ainda, para quem supostamente era difícil de pagar, penso que até o condomínio deste ano querem pagar já.

Se assim for, pelo menos 2 ficam já despachados, sendo que nós não pagamos por sermos administradores, passam a 3.

Talvez quem vá criar mais entraves sejam mesmo as pessoas que me disseram que os outros é que iam ser complicados...

A ver vamos.


segunda-feira, julho 8

Do fim-de-semana

Sexta saí do trabalho e vim para casa acabar as limpezas que o marido começou.

Fiz tudo muito mais rápido mas eu também o avisei que ia sair.

Fui jantar com a minha esteticista... Disse ao pessoal que ia jantar com uma mulher que já me viu quase como o marido viu... Já que ela é esteticista 😂😂😂😂

Fui ter com ela era perto das 21h.
A verdade é que marquei porque ela insistiu. E marquei sem vontade. Mas obriguei-me a arranjar (vá, arranjar ainda não é complicado e continuo a adorar) e a ir ter com ela.
Porque a vontade era ter ficado em casa, quieta e sossegada.

Sábado acordamos e enquanto eu fui treinar, o marido foi tratar do carro.
Ainda estivemos com umas colegas dele do ginásio e depois viemos almoçar, fazer um doce para levar para os anos da mana e esperar que a minha madrinha chegasse.

Posso dizer que o jantar foi a coisa mais estranha desta vida.
Grupos de um lado e outro, bocas inúteis e coisas para as quais tenho cada vez menos paciência do outro.
O que me valeu é que esteve lá a minha madrinha, lá está e mais uma amiga. Mas eu acho que nunca desejei tanto que chegasse a 00h como naquele dia.
Tenho pena pela minha irmã, mas compensei no dia a seguir.

Domingo deixei-me dormir. Ando de rastos com tantos nervos.

O marido foi fazer uma prova e veio a casa tomar banho e lá fomos nós.
O almoço foi bom, mas nós já chegámos um bocado tarde.

Agarrámos na mana e fomos ver o Festival da Lua Cheia, num jardim em Oeiras.
Não percebi muito bem o que foi aquilo, mas soube bem estar numa espreguiçadeira uns breves momentos, com uns sons de fundo tipo de quem vai à lua e a natureza à volta.
Relaxei.

Se não foi disso, foi do vinho ao almoço 😂

Fomos lanchar com ela e com o resto da família lá em casa e depois viemos para a nossa casa.
Dormimos os dois uma sesta... A mim soube-me pela vida!

Por aí, que se fez?


domingo, julho 7

Parabéns!

Parabéns à Mana, que faz hoje 22 anos.. E ela a achar que está a ir para nova 😛


Desejo-lhe tudo de bom.

Que a vida corra como ela planeia ou que lhe corra ainda melhor, que não lhe desejo nada de mau.

Infelizmente a nossa relação já não é como foi outrora, mas se ela precisar de mim, cá estou eu para o que puder...
Infelizmente também são mais as vezes que se arma em parva do que as que se "comporta", mas acredito que vai crescer e abrir os olhos...


Um feliz dia para ela e do que depender de mim, vou tentar ir fazer algo de especial.


sábado, julho 6

Até já

Mais um fim-de-semana. Só falta mais um e o estágio acaba 🙏

Este fim-de-semana é especial.
A mana faz anos.

Portanto, vai ser um fim-de-semana preenchido.

Hoje, ela vai fazer o jantar e à 00h é que cantamos os parabéns.

Antes disso ainda quero ver se treino e se vou a uma mini festa para ajudar uns miúdos do karaté ou que é... Coisas do marido.

Domingo será mesmo o dia de aniversário dela e portanto vamos almoçar fora, em família.
Não sei quais os planos para depois, se ela quer ir à praia, se quer ir passear, o que quer fazer, mas depois logo se vê.

A minha Sexta também já começou bem 😜

Por aí divirtam-se!


sexta-feira, julho 5

Não está mau

Posso dizer que só passaram 5 dias de Julho e eu já tive duas entrevistas. Irei ter uma terceira, para a semana, mas já é a 2ª fase.

O estágio está mesmo a acabar e já não faz sentido sair de lá por uns meros 8 dias.

Ando a avisar a quem me liga que o estágio efectivamente está a acabar.

Já começamos a falar em ordenados com valores mais aceitáveis (1000€) apesar de não serem nenhuma fortuna e aliás, o que vou ganhar "a mais", vai apenas cobrir as despesas e e!

Mas já é um começo.

Neste momento tenho estas duas propostas em cima da mesa, apesar de nenhuma ser garantida.

Ambas com o mesmo horário (9h - 18h), ambas com folgas fixas ao fim-de-semana, ambas a quase aos mesmos km's de minha casa, ambas com o mesmo ordenado.
A diferença, é a localização, claro, cada uma para o seu lado, o tipo de contrato, onde uma já sei que é no mínimo 1 ano e na outra, são contratos normais, mas que a ideia é prosseguir e, os meus gastos.

Para uma, vou de transportes, para outra, preciso do carro.

Arrisquei a pedir 1000€ numa delas, porque efectivamente por menos que isso não me compensa.
Se calhar fiz mal, mas se eu pedir só 500€, voltamos à mesma conversa, é o que eles me vão dar.

Atenção que são valores brutos!

Volto a dizer, ter entrevistas anima-me. Dá-me esperança.
Cada vez vou mais tranquila para as entrevistas, apesar de, quando saio de lá, começam os medos, os filmes, as inseguranças...

Mas posso dizer que ando a fazer o meu trabalho de casa... 😊


quinta-feira, julho 4

Férias

Podem não achar necessário ou nem compreender, mas o que é certo é que pedi férias ao IEFP.

Sim, os desempregados têm direito a férias "pagas".
Deixa-se apenas de ter a obrigação, nesse mês, de enviar curriculuns. E recebe-se o subsídio à mesma.

É certo que, se chegar a ter as ditas férias, irei, sempre que vir algo que me agrade, enviar curriculuns, mas pelo menos não tenho essa obrigação.

É que efectivamente estou desempregada, mas ainda não parei. Do curso ao estágio, já não aguento mais.
Tive "férias" em Janeiro, o único mês que estive parada e nem parada estive. Porque ao ver-me em casa, tive oportunidade de tratar de todos os assuntos e mais alguns.


Então decidi pedir isso mesmo, férias no IEFP.

Vou estar como na imagem, de férias, mas sempre a pensar em arranjar trabalho... Mas pelo menos quero ver se tiro 15 dias.

Calhou ser em Agosto, preferia outro mês, mas quero que chegue o Setembro e venham então as propostas e quero começar a trabalhar.

Mas preciso mesmo disto.


quarta-feira, julho 3

Bem vindo Julho

E cá está Julho e a ver se vem o calor, não muito, mas o suficiente para ir para a praia 😁


Para este mês já tenho:

Os anos da mana! 😀
E já tenho uma entrevista 😀 começa bem;
Espero que o fim do estágio;

Por agora tenho isto, mas tenho a certeza que vai ser um mês recheado de coisas boas e pensamentos positivos!


terça-feira, julho 2

Passado atrás das costas

Quem passa por aqui com alguma regularidade sabe da situação em que me encontro (desemprego) e o porquê de estar aqui.

Desde que saí do local onde estava efectiva para ir para o local de onde me acabaram por despedir ao fim de 6 meses, que havia um sentimento de quase arrependimento.

Porque estava efectiva, porque afinal aquilo não era assim tão mau, porque isto, porque aquilo...
Sei que saí devido a não darem valor às pessoas e a saber que não passava daquilo que fazia e, não vou mentir, por causa do ambiente. E queria tentar melhor! Arriscar!
Mas depois de sair de lá, parece que aquilo era perfeito e fiz mal e blá blá blá.

Com a entrada na empresa onde me despediram e com o desemprego e isto do curso e estágio, tudo junto, fez-me pensar, mais uma vez, que não devia ter saído de lá, que fiz mal... O tal quase arrependimento.

Até que....

Ainda tenho lá bons amigos.
E eles vão desabafando comigo.

Posso dizer, agora com toda a certeza, que fiz muito bem em ter saído de lá e que efectivamente agora sim, se tornou passado.
É uma empresa que, finalmente, consegui quebrar aquele sentimento de "fiz mal sair de lá", "era perfeita", etc.

O Departamento onde eu estava está a desmoronar-se.
Ninguém confia em ninguém, quem entra de novo, sai ao fim de três tempos também, há concursos internos e ninguém quer ir para o Departamento... Montes de coisas.

Mas o que me fez colocar um ponto final neste assunto foram duas coisas.

1º, um dos colegas, que a Directora tinha um grande carinho e valorizava-o, mesmo sabendo o seu pouco valor, despediu-se. Não aguentou mais o ambiente mau que aquilo tem e entregou a carta. E era ali unha com carne com a Directora e também não aguentou.

2º, a Directora, que me deixou uma porta aberta porque eu saí a bem, estando neste momento aflita porque ninguém quer trabalhar com ela nem no Departamento dela, ao proporem ela entrar em contacto comigo para ver se eu voltava, teve a infeliz ideia de dizer e passo a citar "Era só o que faltava. Isso era humilhar-me!".

Se ela, que precisa mesmo, acha que era humilhar-se voltar a falar e a contratar uma pessoa que traz imenso valor à empresa e que trabalha super bem e ela sabe do meu valor, tanto que não me queria deixar sair, se ela acha mesmo isso e foi capaz de dizer isso, que direi eu, que a tinha em consideração e que neste momento perdeu tudo.

Posso também não estar em melhor posição, pois não tenho trabalho, blá blá, blá, mas eu sei do meu valor enquanto funcionária e principalmente enquanto ser humano!


segunda-feira, julho 1

Do fim-de-semana

Sexta saí do trabalho e fui a uma entrevista mesmo perto de casa da minha mãe.

Portanto, este mês não foram 9 mas sim 10 entrevistas. Forte 💪

Passei por casa da minha mãe para a ver e vim para a minha para vir tratar das limpezas.

O marido chegou do trabalho e eu tinha uma garrafa de vinho aberta e um petisco para ambos.
Às vezes calha bem.


Sábado acordamos sem despertador e posso dizer que cedo demais 😕
Fomos tomar o pequeno-almoço e lá fomos à praia.

Viemos da praia um bocado vermelhos e fomos treinar, mas deve ter sido por estarmos tão quentes que o treino não estava a correr muito bem e estávamos os dois a sentir um cansaço estranho.

Saímos do ginásio, fomos às compras e viemos fazer o jantar.

O marido inventou, mas ficou bem bom.
E eu inventei antes do jantar 😛

Ele gosta dos meus gins e eu, quando os faço, gosto de fazer sempre um diferente.
Vi esta "receita" no site do Casal Mistério e adaptei com o que tinha em casa.



Pus 1/4 de limão a grelhar e enquanto isso, com uma colher, tentei desfazer o máximo que consegui alecrim.
Preparei o gin e a água e, depois do limão arrefecido, coloquei o alecrim, o limão e o gelo.
O marido gostou, mas preferiu outros que já fiz.
Já tenho uma ideia para um próximo 😛

Ele fez o jantar e estava para lá de bom mesmo.




Peito de frango recheado com queijo e fiambre de peru fumado, com natas de soja e queijo ralado por cima.
Estava mesmo delicioso!

A noite no Sábado foi horrível.
O corpo demasiado quente, os dois a sentirmo-nos mal... Dormimos mal, passamos a noite praticamente em claro.

Domingo depois de termos conseguido descansar um bocado mais já passava das 7h, almoçamos e fomos fazer umas comprinhas.

Não gosto de gastar dinheiro nem posso, mas só vos digo. soube-me bem mas bem.
A vida não pode ser só pagar contas e trabalhar ou estudar.

Comprei um bikini para mim:


Na Tezenis

E por mais 2€ trazia uns chinelos:


Depois fomos a outra loja e ofereci uns chinelos ao marido, que precisava mesmo:


Ele adorou. Diz que são fofinhos e não aleijam o pé 😛

Viemos para casa e o resto do dia foi a preparar as refeições e a ver filmes.

Por aí, que se fez?


sábado, junho 29

Até já

Acho que este fim-de-semana se avista duas idas à praia! 😀
Não preciso de mais nada, só praia 😛
Que saudades! E finalmente bom tempo.
Voltar a ganhar uma cor.


De resto, quero ver se leio o meu livro porque tenho ali o T.P.C do Reiki e tenho que me esmerar 😂

Preciso também de descansar e ir ao ginásio... Mas acho que vou ter tempo para tudo.


Por aí, divirtam-se!


sexta-feira, junho 28

Balanços positivos

Mais um mês que chega ao fim. Isto é assustador.


Este mês tive:

Ida à praia na Arrábida, logo para começar bem o mês;
Tive várias entrevistas, oito ao todo;
Fomos passar uns dias em Avis;
Visitei vários sítios novos, como a Capela dos Ossos, Templo de Diana e a Barragem dos Minutos;
Tivemos vários feriados que souberem bem como tudo;
Fizemos uma caminhada de 10km aqui pela zona;


Foi um bom mês em vários aspectos e só agora tive noção que tive tantas entrevistas.

A coisa está quase, eu sinto! 😊


quinta-feira, junho 27

Reiki

Isto do Reiki está de novo a trazer frutos.

Na 1ª semana em que voltei ao Reiki, depois de 3 meses parada, comecei logo a receber contactos para entrevistas e isto para mim, é um sinal.

Agora na última sessão que tive, esta Terça que passou, estive lá 2h! 1h foi a falar e a descortinar aqui "medos" e nervosismos e tudo.

Não vou entrar em pormenores, porque não posso, mas vim com trabalhos de casa.

É verdade, trabalhos de casa.

O 1º é voltar a ler o livro o "Segredo". Agora com mais maturidade e outra ideia das coisas, ela quer que o leia de novo. 4 vezes 😂

O 2º começou no dia imediatamente a seguir e, todos os dias de manhã, tenho que me olhar no espelho e citar umas frases positivas.
Em casa é citá-las, em voz alta. 
No trabalho e no resto do dia, é mentalizá-las.

A ideia é começar a construir a confiança em mim. Deixar de me pôr para baixo, deixar de achar que é tudo melhor que eu...

Esses pensamentos têm que sair da minha cabeça.

Portanto, as palavras de ordem são:

- Eu consigo.
- Eu sou capaz.
- Eu posso tudo o que desejo, basta crer com o coração.

Estão a ver o sentido nisto?

E estou motivada.

Mais uma vez as palavras dela foram certeiras.
E sabe bem desabafar ao nível que eu desabafei, que acho que só o fiz apenas com uma pessoa, a minha madrinha, e ela conhece-me. Portanto, desabafar com uma pessoa que não nos é assim tão próxima, é muito mesmo.

Curioso é que chego a casa dela e acabam-se os nervos. Mesmo antes de fazer o Reiki.
Não sei se é logo do ambiente, da músicas, dos cheiros, mas sei que ali eu sinto-me bem!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...