terça-feira, julho 10

Protecções

Se eu ganhasse um cêntimo por cada vez que dizem que "estou a exagerar", estava rica minha gente.

Com esta coisa da mota, e eu sei bem como as coisas funcionam pois já trabalhei numa loja de venda de acessórios para motards, todo o cuidado é pouco.

E se é verdade que já ouvi muita gente dizer que as piores quedas que tiveram, foram parados, também é verdade que, em caso de acidente, o corpo é que está logo ali.

Nunca tinha andado de moto até o marido a ter comprado.
Gosto, a sensação é boa, mas dá medo!

Desde que ele andava a tirar a carta, eu sempre disse que queria um bom capacete.
Não me interessa se a moto é fraquinha e não passa dos 120km/h, não me interessa se sou só pendura e se pouco vou andar.
Sei que vou andar. Ponto.

Então desde o início, que vou-vos poupar a pormenores, queria uma marca, lá andei a ver e devido aos preços tão altos, decidi virar-me para outra e acho que não estou mal servida.

Já o encomendei. mas custou senhores, se custou.
Eu tinha umas ideias, quem os quer vender, quer vender as marcas que tem.... Depois foram os tamanhos, socorro!

O que escolhi, foi este:


É mesmo feminino. Tem flores, não é muito escuro, não abre, e até brilha 😂😛
Mas o importante, é que é tri-composto. Tem fibra de vidro, tem carbono e tem kevlar.
Parece-me bem seguro.

Como disse inicialmente, espero mesmo que ele nunca seja usado para aquilo que serve.

No meio disto tudo, também preciso ver um casaco e umas botas.
Mais uma vez me dizem que "estou a exagerar", que "não é preciso", mas eu cá acredito que sim, é.
Já ia dando duas quedas, faz parte, e ia de sabrinas! Que protecção no tornozelo é que as sabrinas me dão?
Na, na....
Casaco, idem. Quero protecções nível 2. Não há maior nível de protecção.

Mas lá está, é um grande investimento...


5 comentários:

ateiados20maisx disse...

Que capacete lindo :)
Muito bom gosto, e tens toda a razão, segurança é segurança, não à que facilitar nessas coisas

Beijinho

Anónimo disse...

Concordo plenamente contigo!
Lá diz o ditado: o seguro morreu de velho!
Beijinho
Cris

www.lima-limao.pt

Inês Direito disse...

Na segurança não vale a pena poupar! Gostei da tua escolha para capacete!
beijinhos
https://direitoporlinhastortas-id.blogspot.com/

Avelã disse...

É muito giro e, mais importante, parece seguro. Enfim, eu não percebo nada de motas ou material relacionado com motas - mas confio na tua pesquisa minuciosa. Concordo contigo:
o cuidado nunca é de mais. Nunca andei de mota, mas sei que teria os mesmos receios!

Cynthia disse...

Tão giro! Gosto :) e estou contigo, nenhum investimento é demasiado grande quando se trata de segurança! As motas não são seguras, por muito que as pessoas queiram defendê-las, só pelo facto de que, havendo um acidente, é como dizes, o corpo está logo ali. A culpa pode não ser da mota, nem do condutor, mas nada disso importa se o acidente for aparatoso... não há nada para amparar o impacto além de quem vai em cima da mota.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...